Sergipe

20/08/2018 às 15h51

Orla da Atalaia pode ficar com limpeza prejudicada

Redação Portal A8

Nesta segunda-feira (20), os funcionários da empresa BTS, terceirizada contratada pelo Governo do Estado, resolveram cruzar os braços em forma de protesto pelo atraso referente ao pagamento de transporte e alimentação. A categoria é responsável pela realização do serviço de limpeza na Orla da Atalaia.

De acordo com a denúncia que chegou para a equipe de reportagem do portal A8SE, o pagamento referente a alimentação e transporte vem ocorrendo de forma irregular. Sem se identificar, o agente de limpeza contou que o valor referente a alimentação foi pago, mas dividido em duas vezes. 

Enquanto o transporte, o agente afirmou que nenhum sinal de pagamento foi dado. “A gente está indo trabalhar de carona ou passando por baixo de catraca do ônibus, dependendo da amizade com o motorista e cobrador”, relatou. 

Ainda segundo o agente, a informação passada para a categoria é que o Governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano (Seinfra), não vem realizando o repasse de pagamento do serviço prestado. “Recebemos o salário do mês passado no dia 13 de agosto. Eu temo que atrase mais uma vez agora”, comentou.

A mobilização dos funcionários acontece neste momento na Orla da Atalaia e deverá continuar até a quantia for depositada na conta.

Para o A8SE, a assessoria de imprensa da Seinfra informou que já está em contato com a empresa e que a referida demanda será encaminhada para a Secretaria Estadual da Fazenda para que possa resolver a questão o mais rápido possível.