Sergipe

27/06/2018 às 10h19

Prédios de órgãos do Estado têm energia cortada, mas Energisa deve 160 milhões de impostos, diz governo

Redação Portal A8

Na manhã desta quarta-feira (27), equipes da Energisa cortaram a energia de prédios do governo do estado de Sergipe. Órgãos como Secretaria de Estado da Saúde e Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos tiveram atividades suspensas decorrente do corte no fornecimento de energia. 

Segundo o secretário de comunicação do Estado, Sales Neto, a informação é que houve negociação com a Energisa há 15 dias, e confirmou que a dívida é da Energisa para com o Estado. O secretário denunciou que a empresa que fornece energia elétrica deve 160 milhões de reais de impostos ao governo e paga mensalmente cerca de 2,5 milhões por mês de energia.

Já a assessoria da Energisa informou que a inadimplência levou ao corte de energia de alguns órgãos do Estado, de acordo com a isonomia, todo cliente que não paga as contas recebe a notificação de atraso e 15 dias após, se não houver o pagamento a consequência é a interrupção do fornecimento da Energia. O assessor da Energisa André Brito nega ainda que exista o débito, e tem como comprovar o pagamentos dos impostos feitos mensalmente ao Estado.