Sergipe

04/05/2018 às 11h37

Polícia elucida crime que vitimou transexual no conjunto Augusto Franco

SSP/SE

Foto: SSP/SE
Um dos homens adentrou a residência e efetuou os disparos que vitimaram a transexual

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) apresentou em coletiva realizada durante a manhã desta sexta-feira, 4, os detalhes da investigação que resultou na prisão de Naelson Araujo Fonseca, 24 anos, e Adilson Porto Silva Filho, 28. Ambos são acusados da autoria do homicídio que vitimou a transexual Denise durante a noite de 24 de junho do ano passado.

Segundo os delegados Mário Leony e Thereza Simony, a vítima estava junto ao companheiro na sala da própria residência quando dois homens em uma moto chegaram até o local, no conjunto Augusto Franco. Um deles pulou o muro da casa, entrou pela porta que estava aberta e efetuou os disparos que vitimaram a transexual.

Ainda de acordo com os delegados, as investigações também apontaram que, durante o crime, o autor dos disparos não chegou a anunciar nenhum outro tipo de ação criminosa e também não levou pertences da vítima, o que aponta para um crime encomendado.


Fonte: SSP/SE