Sergipe

28/09/2017 às 11h41

Campanha Antirrábica: mais de 14 mil animais já foram vacinados

Ascom PMA

Fotos: Marco Vieira
O próximo sábado (30) é dia de dar início à 3ª etapa da Campanha Antirrábica em Aracaju. A meta para a campanha deste ano é vacinar 64 mil cães e gatos de todas as regiões da capital. Para alcançar esta meta, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), através do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), preparou equipes para atuar nos postos fixos e também nos volantes, estes que percorrem alguns pontos da cidade em que a presença de animais é mais intensa. 

Dividida em quatro etapas, a campanha segue até o dia 7 de outubro, mas a vacina pode ser encontrada no CCZ, localizado no bairro Capucho, durante todo o ano. O coordenador do Centro, Cassiano Fernandez, destacou a necessidade de as pessoas vacinarem seus animais de estimação. “A raiva é uma doença que não se restringe apenas aos cães e gatos, por exemplo. Ela pode ser transmitida para os humanos e é também por isso que as pessoas devem ficar atentas”, disse.

Até esta quinta-feira, 28, já foram vacinados 14.317 animais e a expectativa é de que o resultado da campanha de 2017 seja mais satisfatório do que o do ano passado. “Desde o início da campanha percebemos uma maior mobilização da população e a cada ano o número de vacinados aumenta. Isso demonstra que a população está mais consciente e cuidadosa também”, ressaltou Cassiano.

Apesar de Aracaju não ter registro de casos de raiva humana, segundo o coordenador do CCZ, no ano passado, foram notificados dois animais com a doença. “Um deles veio de Recife já com a raiva e o outro foi no bairro Grageru, porém, foram casos pontuais. Graças às campanhas de vacinação, temos mais tranquilidade com relação aos dados epidemiológicos de Aracaju, o que não quer dizer que estejamos menos atentos”, reforçou Cassiano.

A vacinação é destinada a todos os animais a partir dos quatro meses de idade exceto os doentes (com diarreia, secreção ocular ou nasal, sem apetite, convalescentes de cirurgias ou enfermidades). “Orientamos que os donos apresentem o cartão de vacina de seu bicho de estimação e que adotem alguns procedimentos para evitar acidentes no momento da vacinação como: uso de coleira em todos os cães, uso de focinheira em animais bravos e o transporte de gatos em caixas específicas para esse fim”, ressaltou o coordenador do CCZ.

Na etapa que começa no sábado, a campanha vai acontecer nas 3ª e 4ª regiões nos bairros América, Siqueira Campos, Luzia, Ponto Novo, Grageru e Inácio Barbosa. Já no dia 7 de outubro, a ação vai abranger da 5ª a 8ª região de saúde nos bairros Suissa, Pereira Lobo, Cirurgia, Santo Antonio, Industrial, Soledade, Japãozinho, Santos Dumont, Bugio, entre outros.

 


Fonte: Ascom PMA