Sergipe

18/11/2016 às 14h46

Presidente do Ipesaúde pede bloqueio das contas da Prefeitura de Aracaju

TCE

O presidente do Ipesaúde, Cristian Oliveira, esteve no gabinete do conselheiro Clóvis Barbosa, presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), na tarde desta quinta-feira, 17, para solicitar o bloqueio das contas da Prefeitura de Aracaju, a fim de assegurar o pagamento da dívida do município com a instituição, que já totaliza cerca de R$ 2.3 milhões.

Conforme Oliveira, devido ao atraso o Ipesaúde irá suspender as seis mil carteiras de servidores da Prefeitura – o convênio prevê a suspensão caso o pagamento não ocorra pelo período de 90 dias. "Viemos comunicar a suspensão e solicitar o bloqueio de valores para que seja retomado esse serviço", afirmou.

A quantia pendente representa a soma da falta de pagamentos referentes aos meses de julho, agosto e setembro, sendo que outubro vencerá no próximo domingo, dia 20.

Ao receber a informação o conselheiro-presidente disse que a levará à sessão extraordinária do Pleno agendada para a próxima terça-feira, dia 22.


Fonte: TCE