Sergipe

09/05/2014 às 16h02

Expectativa: Pacientes oncológicos se preparam para tratamento em Salvador

Dos primeiros 60 pacientes que já foram consultados e examinados na capital, 46 foram considerados aptos para realizar o tratamento em Salvador.

Redação Portal A8

A auxiliar de serviços gerais, Camila Cristina Melo, quer estar pronta para essa segunda-feira, 12, quando ela e outros pacientes oncológicos seguirão para Salvador para fazer o tratamento radioterápico na capital baiana. Ela já arrumou a bagagem e nesta quinta-feira, 08, foi a Salvador conhecer a cidade e o bairro de Nazaré, onde está localizada a Oncoclínicas. A unidade foi contratada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) para fazer as sessões de radioterapia 3D.

Pacientes sergipanos receberão tratamento em máquina semelhante a esta/ Foto: Divulgação

 

"Quero conhecer o lugar onde vou passar 43 dias, para não me sentir perdida. Já estou de volta a Aracaju e vou esperar a segunda-feira com ansiedade e muita expectativa para começar o tratamento", disse Camila Melo, 26 anos, que integra o primeiro grupo de pacientes oncológicos a fazer as sessões de radioterapia na Oncoclínicas.

 

A viagem de Camila e dos outros 13 pacientes começa às 8 horas do próximo dia 12. Eles sairão da unidade de Tratamento Fora do Domicílio (TFD), no Complexo de Saúde, no Centro Administrativo de Sergipe. A previsão de chegada em Salvador é no início da tarde. Eles descansam e iniciam as sessões à noite.

 

Todos os pacientes viajarão com seus respectivos acompanhantes. Camila Melo vai com o namorado, Alisson Santos de Chagas, por se sentir segura com ele. "É uma pessoa que confio muito", disse.

 

Já Josefa da Silva Araújo, 66 anos, indicou a irmã como acompanhante. É uma pessoa minha", destacou. Ela luta contra um câncer de mama há 10 meses e está otimista e ansiosa à espera do tratamento. "Vou tomar 25 aplicações. A primeira será na terça-feira e a última no dia 13 de junho. No dia 14 estou de volta. Esse tratamento foi uma benção de Deus", reforçou.

 

Camila e Josefa fazem parte de uma lista formada hoje por 172 pacientes que esperam pela radioterapia 3D. Após a assinatura do contrato, os pacientes que necessitam desse tipo de atendimento vêm sendo direcionados para o tratamento na Oncoclínicas, uma unidade especializada em intervenções contra o câncer.

 

De acordo com Clóvis França, coordenador do Sistema Interfederativo de Garantia de Acesso Universal - SIGAU, antes dos pacientes iniciarem o tratamento fora, eles são submetidos à consultas e exames em Aracaju.

 

"Dos primeiros 60 pacientes que já foram consultados e examinados na capital, 46 foram considerados aptos para realizar o tratamento em Salvador. O SIGAU já está organizando as consultas e exames para o segundo grupo de pacientes",