Sergipe

08/05/2014 às 17h59

Mulher é presa em Lagarto acusada de fraudar a Previdência Social

Segundo o delegado Clever Farias, Eliane falsificou documento de identidade da genitora e produziu uma procuração falsa para permiti-la retirar o benefício em nome da mãe.

Redação Portal A8

Policiais civis do Setor de Repressão aos Crimes contra o Patrimônio da Delegacia Regional de Lagarto prenderam na tarde desta quarta-feira (7), nas dependências da Agência do INSS da cidade, Eliane Teixeira da Silva, 32 anos, acusada de falsificar documentos da mãe falecida para receber, irregularmente, a aposentadoria. 

 

Segundo o delegado Clever Farias, Eliane falsificou documento de identidade da genitora e produziu uma procuração falsa para permiti-la retirar o benefício em nome da mãe. Através de denúncia anônima, a polícia foi informada que a suspeita estava recebendo o benefício da Previdência Social de maneira irregular. 

Foto: SSP/SE

 

“Nos dirigimos à agência do INSS e constatamos a denúncia. Lá foi realizado de imediato o bloqueio do pagamento”, disse o delegado. Na delegacia, ela confessou o crime e informou que a fraude já vinha sendo aplicada pelo pai dela há dois anos.

 

Em poder de Eliane foi apreendido também um documento de identidade, atestados médicos e procurações falsas em nome de Ana Jenoveva de Jesus. Todo o material foi encaminhado para a Polícia Federal que instaurará inquérito policial para apurar o caso, já que se trata de crime de competência da Justiça Federal.