Sergipe

24/04/2014 às 18h28

Pai de traficante morto em confronto é preso em frente ao IML

De acordo com o delegado Mário Leony, José Lucas é suspeito de ser o mandante do homicídio que vitimou, por engano, Gabriel Ferreira Santos, 18 anos

Redação Portal A8

Na tarde desta quinta-feira (24), por volta das 15h30, uma equipe de policiais civis do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) efetuaram a prisão do traficante Jo?e Lucas dos Santos, em frente ao Instituto Médico Legal (IML), localizado no bairro São Jo?e, centro da Capital.
 
De acordo com o delegado Mário Leony, José Lucas é suspeito de ser o mandante do homicídio que vitimou, por engano, Gabriel Ferreira Santos, 18 anos. O crime aconteceu no dia 10 de março deste ano, em frente a uma academia de ginástica situada nas imediações da avenida Principal do conjunto João Alves. A intenção dos autores do crime eram matar um traficante rival, mas ele conseguiu fugir e um dos tiros acertou Gabriel, que morreu ainda no local.


 
José Lucas é pai do traficante e ex-presidiário Gleison Siqueira dos Santos, 26 anos, que foi morto na manhã de desta quinta-feira (24), após um intenso confronto com a polícia. Ele também é  apontado como um dos integrantes da quadrilha que estava comercializando drogas na Invasão dos Canos e aterrorizando a população.
 
A prisão de José Lucas foi efetuada no momento em que ele compareceu ao IML para retirar o corpo do filho. Os agentes civis estavam na localidade, aguardando que alguém da família fosse retirar o corpo e conseguiram surpreender o acusado, que estava no lado de fora do Instituto juntamente com as filhas. Não houve reação no momento da prisão.
 
Em depoimento ao delegado Mário Leony ele disse que não estava na casa onde o filho foi morto, mas disse que encontrava-se numa casa vizinha. O delegado informou que ainda resta um foragido da quadrilha preso. José Lucas foi levado ao DHPP e segue preso à disposição da Justiça.