Sergipe

27/05/2013 às 08h01

Greve muda de mãos - Adiberto de Souza

Redação Portal A8

Em greve há uma semana, os trabalhadores da construção civil de Sergipe não seguem mais a orientação da Força Sindical. Agora a turma da pá e da colher é orientada pela CUT. A mudança ocorreu porque a base da categoria não concordou com a primeira central sindical, que achou satisfatório o acordo firmado sob sua orientação com o sindicato dos empresários. Em nota, a Força Sindical explica que "alguns indivíduos insistem maldosamente em continuar o movimento para atender interesses políticos". Entre os grevistas, porém, o pensamento é outro. Eles acham que a Força Sindical perdeu o controle da greve, fato que levou o Sindicato a recorrer à CUT. Apesar da mudança de orientação política, segue robusto o movimento que paralisou pela primeira vez os canteiros de obras de Sergipe.

Leia conteúdo na íntegra