Sergipe

16/05/2013 às 14h50

Aracaju registra queda no número de casos de dengue nos primeiros meses do ano

Redação Portal A8

Segundo a coordenadora do Programa Municipal de Controle da Dengue, Taíse Cavalcante, 95,60% dos casos da doença esperados entre janeiro e abril deste mês foram evitados. A estimativa era de 5.370 pessoas contaminadas, mas, foram feitos apenas 236 registros.

Quem faz a previsão é o Ministério da Saúde, que faz a estimativa pensando no planejamento das ações de combate à doença. Em aracaju, 80% dos casos de dengue que poderiam acontecer este ano, estavam previstos justamente para o primeiro semestre de 2013.

Dos 41 bairros pesquisados em Aracaju, nove foram classificados em baixo risco e 32 bairros em médio risco nenhum foi classificado com risco para surto ou epidemia. Apesar dos números satisfatórios, Taíse Cavalcante ressalta que a comunidade tem que continuar colaborando, principalmente, nessa época, que é favorável ao desenvolvimento do mosquito.

"O criadouro mais recorrente em Aracaju continua sendo os depósitos de água ao nível do solo, como exemplo específico, as lavanderias que são utilizadas para armazenar água, tendo o percentual de 71,4% dos locais encontrados de focos, apresentando uma queda em relação a março de 2013 de 11,85%", explicou.

O percentual dos pequenos depósitos móveis e fixos (vasos e pratos, frascos com plantas, bebedouros de animais, calha, laje, ralos, sanitários em desuso, etc.) e nos depósitos de lixo e outros resíduos sólidos apresentaram um aumento de 50,52% comparando com o último Lira realizado em março. O desenvolvimento do mosquito continua dentro do domicílio onde encontra alimento, abrigo e condições de proliferação, visto que não foram encontrados focos em terrenos baldios.

"A comunidade tem um papel importante neste controle, pois deve intensificar e mobilizar toda a sociedade no cuidado e no tratamento mecânico, que é a eliminação de locais com probabilidade de se tornar criadouro do mosquito através do controle físico e manejo ambiental", destacou a secretária de Saúde, Goretti Reis.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de Aracaju