Sergipe

10/05/2013 às 11h58

Festival Varilux de Cinema Francês é aberto em noite memorável

Redação Portal A8

Uma noite marcante para a cultura sergipana. Assim pode-se descrever a última quinta-feira, 9, durante a estreia do Festival Varilux de Cinema Francês, evento que marcou a abertura experimental do Cine Vitória, localizado na Rua do Turista, Centro de Aracaju.

O Festival, que acontece durante seis dias, sempre com exibições no Cine Vitória, é um evento de grandes proporções, que acontece simultaneamente em 45 cidades do Brasil, e que em Sergipe foi viabilizado pela coordenação da Casa Curta-SE com apoio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) e Aliança Francesa.

A secretária de Estado da Cultura, Eloisa Galdino, esteve presente na solenidade e pode conferir de perto como ficou a reforma do espaço que funcionará como uma sala de cinema popular e que será gerenciada pela Secult em parceria com a Casa Curta-SE, através do projeto Sala Avenida Brasil. A reforma e modernização do espaço foi viabilizada através de um convênio de R$ 272.573,17 realizado entre o Governo do Estado e o Ministério da Cultura (MinC).

"Aproveitamos a vinda do Festival de Cinema Francês para realizar uma temporada experimental aqui no Cine Vitória, para que em junho, com o lançamento oficial do filme ‘Aos Ventos que Virão`, de Hermano Penna, que foi gravado em Sergipe e com atores sergipanos, nós possamos inaugurar definitivamente este espaço e entregá-lo à população sergipana", destacou a gestora.

Eloisa ressaltou ainda que o Cine Vitória é mais uma obra que está localizada no Centro Histórico de Aracaju e que, com sua reinauguração definitiva, em junho, a capital ganhará mais um atrativo para esta região. "A tendência em todo o mundo é que os centros históricos das grandes cidades tenham uma vida noturna e cultural atraente. É isso que o Governo do Estado está buscando com a entrega do Cine Vitória, que junto com o Palácio Museu Olímpio Campos, Museu da Gente Sergipana e a própria Rua do Turista, dará uma nova cara ao centro de Aracaju", finalizou.

Festival Varilux

O Festival Varilux de Cinema Francês será aberto ao público a partir desta sexta-feira, 10, e segue, diariamente, com quatro filmes em cartaz até a quinta-feira, 16. O Festival acontece em 45 cidades do país como São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Brasília, Belo Horizonte, entre outras, e é um pleito da Casa Curta-SE há mais de dois anos.

"É uma alegria muito grande para nós que fazemos a Casa Curta-SE poder finalmente trazer a Sergipe esse festival tão importante no audiovisual nacional, afinal, o cinema francês ainda é pouco conhecido do povo sergipano", afirmou Rosangela Rocha, que é produtora do Festival Varilux em Sergipe.

Durante o Festival Varilux o público poderá assistir filmes como ‘O homem que ri`, ‘Camille Claudel`, ‘Pedalando com Molière`, e muitos outros a preços acessíveis sendo R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia) durante a semana e R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia), durante o fim de semana.

Para a diretora geral da Casa Curta-SE, Dayse Rocha, realizar o Varilux em um espaço tão importante para a vida cultural sergipana, como foi o Cine Vitória, é motivo de ainda mais alegria para todos que fazem o audiovisual em Sergipe. "Há dois anos buscamos trazer este festival para Sergipe e é com muita satisfação que o fazemos este ano, junto com a reabertura experimental desta sala de cinema tão importante na história cultural de Sergipe. Aqui, teremos seis dias com o melhor do cinema francês, a preços populares para o público sergipano", completou.

Fonte: ASN