Sergipe

07/05/2013 às 15h50

Sujeira e irregularidades na feira livre do Conjunto Augusto Franco

Redação Portal A8

 

Peixes expostos em banca enferrujada (Reprodução: TV Atalaia)

A equipe da TV Atalaia mostrou no Jornal do Estado 1ª edição desta terça-feira, 7, que a feira livre do Conjunto Augusto Franco está em péssimas condições de funcionamento. Assista aqui a reportagem.

 

As carnes são cortados em bancas de ferro, completamente enferrujadas, sob o forte risco de contaminação. No local, sujeira por todos os lados, atraindo muitas moscas que pousam nos alimentos.

O repórter cinematográfico Jeová Luiz flagrou ainda diversas frutas, que vão ser comercializadas, acondicionadas no chão sujo.

A justiça já acatou, por meio de liminar, um pedido do Ministério Público de Sergipe, que determina à Prefeitura de Aracaju e à EMSURB que sejam feitas as adequações necessárias, identificadas pela vigilância sanitária.

Em entrevista ao vivo concedida à jornalista Priscila Andrade, o Presidente da Emsurb, Julio Flores disse que o novo mercado do Conjunto Augusto Franco deve ser finalizado até o final do mês de setembro e a partir daí, não haverá mais feira livre no local. Assista aqui a entrevista.

Outro problema identificado pela reportagem da TV Atalaia foi a presença de crianças, trabalhando livremente como carregadores de compras na feira. Um menino de 12 anos, disse ao repórter Fernando Moraes que há um mês, está fazendo os trabalhos no local. Além de transportar dentro da feira, muitas vezes, vai com o carrinho até a casa do cliente para descarregar as compras. Ganha cerca de 5 reais pelo serviço.

O Presidente da EMSURB pediu o apoio do Conselho Tutelar para dar fim ao trabalho de crianças no local.