Sergipe

02/05/2013 às 16h18

Nova ferrovia vai beneficiar Sergipe

Redação Portal A8

O ministro dos transportes, César Borges anunciou ao governador Marcelo Déda, por meio de um telefonema que Sergipe faz parte da rota da ferrovia Transnordestina. O projeto que prevê o fortalecimento da infraestrutura de transportes no Brasil vai dar suporte à ferrovia Centro Atlântico, passando por Aracaju, Feira de Santana, Alagoas e Recife.

O investimento vai possibilitar a integração de rodovias, aumentando a malha de circulação de cargas pelo interior do nordeste.

A previsão inicial do Governo Federal era que a ferrovia Transnordestina, seguiria do interior do Ceará até os portos de Pecém (CE) e Saupe (PE). O novo roteiro, possibilita o escoamento de produtos do interior do Ceará e de Pernambuco até o Porto de Aratu, na Bahia.

"Os novos investimentos de transportes ferroviários foram anunciados pela presidenta Dilma Rousseff no início deste ano. O ministro me afirmou que a presidenta autorizou licitar os estudos para a ferrovia que integrará Feira de Santana, Aracaju, Maceió e Recife. Havia uma disputa para retirar essa ferrovia do litoral, Sergipe foi um dos estados o qual defendia que a ferrovia seguisse o traço do atual Centro Atlântico, uma vez que as produções industrial e agrícola dos estados de Sergipe e Alagoas tendem a buscar o modal rodoviário, através da BR-101, ou portuário, através de seus portos", anunciou o governador, explicando ainda que a integração desses modais existentes a um ferroviário é um elemento de ligação regional, indutor do crescimento econômico e viabilizador da política de desenvolvimento industrial.

No telefonema, Marcelo Déda e César Borges ainda trataram sobre a continuação das obras de duplicação da BR-101. A pavimentação da BR-235 também foi pauta da conversa. O governador pediu agilidade em ambos os processos.