Sergipe

26/04/2013 às 17h58

Polícia prende homicida e apreende duas armas de fogo em Itabaianinha

Redação Portal A8

Em poder de Mike, os policiais encontraram uma pistola calibre 380 com diversas munições, além de certa quantidade em dinheiro (Foto:PM)
A Polícia Militar de Sergipe, através da 3ª Companhia do 6º Batalhão de Polícia Militar (3ª Cia/6º BPM), em conjunto com a Polícia Civil do município de Itabaianinha, prendeu em flagrante delito, na quinta-feira, 25, por volta das 15h30, Maike Alves Lima, 20 anos, acusado de tráfico de drogas, roubos e homicídios na região.

A prisão ocorreu após uma diligência realizada pelas polícias Militar e Civil, com o objetivo de cumprir o mandado de prisão em desfavor de Maike e do seu comparsa, apelidado "Papinha", que conseguiu escapar do cerco policial. O acusado preso, juntamente com o comparsa são ex-presidiários, acusados de roubos, furtos e homicídios.

Com a chegada da polícia no local conhecido como Beco da Baiúca, os suspeitos avistaram a movimentação dos policiais e tentaram empreender fuga em uma motocicleta, mas não obtiveram êxito, em virtude do terreno molhado pelas chuvas, que dificultou a ação da dupla.

Os indivíduos abandonaram o veículo e continuaram fugindo a pé, chegando a efetuar dois disparos de arma de fogo contra a guarnição, que revidou à ação dos acusados. Após perseguição, Maike foi alcançado e preso na estrada de acesso ao Povoado Taboca. Já ‘Papinha` conseguiu fugir através de um matagal, deixando para trás uma arma de fogo tipo revólver calibre 38, usado para tentar atingir a guarnição.

Em poder de Mike, os policiais encontraram uma pistola calibre 380 com diversas munições, além de certa quantidade em dinheiro. Além das duas armas de fogo, a PM apreendeu uma motocicleta de cor azul, utilizada pela dupla para o cometimento dos delitos, munições e dinheiro.

"As diligências continuarão, com o objetivo de prender o Papinha e apreender drogas, uma vez que os indivíduos são acusados do comércio ilegal de entorpecentes no município", enfatizou o sargento Clébis, comandante da guarnição da PM que atendeu a ocorrência. O militar teve o apoio dos sargentos Batista e Lemos, cabos Secundo e Osmar. Participaram, ainda, os agentes Aldevan e Luciano, coordenados pelo delegado Aciolly, da Polícia Civil.

 

Fonte: PM/SE