Sergipe

05/07/2012 às 07h53

Prato feito - Adiberto de Souza

Redação Portal A8

Prato feito

Ao viajar para a Alemanha, o governador Marcelo Déda (PT) se poupou do trabalho de participar do fechamento das composições partidárias com vistas às eleições de outubro. Quando desembarcar no final de semana em Aracaju, ele encontrará o prato feito e temperado por seus aliados e com o qual tentará conquistar a maioria das prefeituras e eleger o maior número de vereadores. A viagem do petista ao exterior na véspera das convenções provocou alguns comentários, como o de que ele perdeu o gosto pelas discussões de bastidores. Seja o que for, o certo é que Marcelo Déda fez o que nenhum outro governante sergipano havia feito: ausentar-se do estado no período das convenções partidárias, justamente quando os aliados mais precisam de orientação do líder maior para aparar arestas, conciliar interesses e compor as melhores chapas.

 

Leia o texto na integra