Sergipe

23/05/2011 às 08h23

Homem assassinado em loja de Peças era foragido da polícia

O homem assassinado em uma loja de autopeças era foragido da polícia e praticava crime de falsidade ideológica

Redação Portal A8

O homem assassinado em uma loja de autopeças identificado como Wadson de Souza Brandão, 43 anos, conhecido como "Cabeção" era foragido da polícia e praticava crime de falsidade ideológica.

Segundo informações da delegacia regional, o verdadeiro nome da vítima era Rivaldo Aquino Nascimento. Ele era baiano e morava na cidade serrana há cerca de oito meses e usava várias identidades falsas. A polícia descobriu após o corpo ser encaminhado para autopsia no Instituto Médico Legal.

Ele foi morto com três disparos, um na cabeça, um no ombro esquerdo e no peito.