Sergipe

17/05/2011 às 16h50

Professores da rede estadual decidem pela greve por tempo indeterminado

Redação Portal A8

Após dois dias de negociações os professores da rede estadual de ensino realizaram assembleia na manhã desta terça-feira (17) e decidiram pela greve por tempo indeterminado. A paralisação começa a partir da próxima segunda-feira, 23 de maio.

A proposta de greve sugerida pela diretoria do Sindicaro dos Trabalhadores em Educação do Estado de Sergipe (Sintese ) foi aceita por unanimidade entre os professores. O Governo havia sinalizado com três opções de reajuste, mas a categoria alega que as propostas não podem ser consideradas, pois acabariam com a carreira do magistério.

"Nós entendemos que essas propostas seriam o fim da carreira do magistério. A única forma que encontramos foi entrar em greve por tempo indeterminado e o governo que assuma o ônus da paralisação", declarou a presidente do Sintese, Ângela Melo.

A presidente também afirma que o Estado tem condições de conceder o reajuste de 15,84% para todos os níveis do magistério e não somente para 400 professores do ensino médio. "Esse reajuste pode ser dado a todos, pois em uma das propostas foi sugerido nesse momento um aumento para toda a categoria, o que não aceitamos foi a condição de comprometimento em acabar com o nível médio em 2012", afirma Ângela Melo, que diante desta opção revelou que o Governo tem condições de continuar com a negociação.