Sergipe

08/11/2010 às 09h55

Morre o ícone do teatro sergipano, Luiz Carlos Reis

Morreu o ator e presidente do Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos do Estado de Sergipe (Sated/Se) Luiz Carlos Reis, 53 anos

Redação Portal A8

Na madrugada desta segunda-feira (08), morreu o ator e presidente do Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos do Estado de Sergipe (Sated/Se) Luiz Carlos Reis, 53 anos. Ele atuou em várias peças em São Paulo e em Sergipe e em filmes como "Orquestra dos Meninos" e recentemente o longa "Senhor dos Labirintos".

Reis era considerado o ícone do teatro sergipano e foi destaque em várias produções e espetáculos. Como ator destacou-se em espetáculos como em "Os olhos verdes da neurose", "Esperando Godot", "Ratos de esgoto" e "O auto da Compadecida". Dirigiu "A moratória", de Jorge de Andrade; "Ay Carmela", José Sanchís Sinisterra, entre outros.

Luiz Carlos Reis foi premiado em várias edições do Prêmio Arlequim de Mármore, do XVII Festival Nacional de Teatro de São José do Rio Preto, São Paulo, atuando na peça "Esperando Godot", como melhor ator.

O velório de Luís Carlos Reis acontece no Teatro Tobias Barreto a partir das 10 horas e o local do enterro que ocorre a partir das 17h, ainda não foi confirmado.