Sergipe

02/11/2010 às 19h27

Construtoras foram as principais doadoras da campanha de Déda

A segunda maior doação foi da Calçados Hispana, dona das marcas Vulcabras/ Azaléia

Redação Portal A8

A lista de doadores de campanha do governador reeleito Marcelo Déda (PT), divulgada nesta terça-feira pela Justiça Eleitoral, é liderada por empreiteiras. A principal é o grupo Camargo Correia com uma doação de R$ 1,5 milhão. De acordo com o site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o petista recebeu um total de R$ 6.301.389,57 em doações.

A segunda maior doação foi da Calçados Hispana, dona das marcas Vulcabras/ Azaléia e que possui uma fábrica na cidade de Frei Paulo.

Além da Camargo Correa outras empreiteiras também fizeram doações volumosas. A Celi com R$ 300 mil e a Cunha com R$ 100 mil. A Votoner, empresa de energia da Votorantim, doou R$ 100 mil. A empresa do deputado federal eleito, Láercio Oliveira, a Multserv ajudou a campanha de Déda com R$ 200 mil.

O governador também recebeu cerca de R$ 1,2 milhão do Diretório Estadual. Do PT nacional a campanha de Déda recebeu R$ 950 mil.

A classe artística não abandonou o governador reeleito. Presenças constantes no Forró Caju, Genival Lacerda e Aldemário Coelho doou, cada um, R$ 5 mil.

João Alves

O TSE também divulgou a prestação de contas do candidato derrotado ao Governo do Estado, João Alves Filho (DEM). Sua campanha arrecadou R$ 3.479.546. Segundo os números divulgados, o Comitê Financeiro da Campanha foi o maior doador. Entre as pessoas físicas, a maior doação partiu do candidato a senador, José Carlos Machado (DEM), com cerca de R$ 47,5 mil.