Sergipe

25/10/2010 às 18h31

UFS lança novos mestrados em Matemática e Ciências Fisiológicas

Redação Portal A8

Novos mestrados em Matemática e Ciências Fisiológicas Matemática vão ofertar 10 vagas e lançará edital no início de novembro; Ciências Fisiológicas ofertará 20 vagas.

Enviadas à Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) no final de 2009, o parecer sobre as propostas para a implantação dos mestrados em Matemática e Ciências Fisiológicas acaba de ser divulgado.

"As aprovações mostram qualidade do corpo docente da UFS, sendo motivo de satisfação oferecer aos estudantes dois mestrados em áreas básicas, como a matemática e a fisiologia", afirma o pró-reitor de Pós-Graduação e Pesquisa (Posgrap) Cláudio Macedo.

Com as aprovações, a UFS alcança a marca de 25 cursos de mestrado, inseridos num projeto de crescimento da pós-graduação.

Mestrado em Matemática

Resultado de um projeto elaborado por seis professores do campus de São Cristóvão e dois do campus de Itabaiana, o mestrado em Matemática será interconstitucional com a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

A pós-graduação, que já nasce com um núcleo de pesquisa em equações diferenciais, ofertará 10 vagas. De acordo com o coordenador, Fábio dos Santos, o edital será liberado no dia 3 de novembro, e a primeira turma terá início no primeiro período de 2011.

Ao todo, o mestrado contará com 15 professores, sendo doze permanentes (oito da UFS e quatro da UFPE) e três colaboradores da UFPE, divididos em duas linhas de pesquisa da matemática pura: (1) Análise e (2) Geometria /Topologia.

Mestrado em Ciências Fisiológicas

Após quinze anos de anunciada a "morte da fisiologia", a UFS aprovou o mestrado em fisiologia. Dividido nas linhas de pesquisa Neurociências e Produtos Naturais, o mestrado ofertará vinte vagas.

De acordo com o parecer na Capes, "a proposta se apóia em infraestrutura adequada, produção importante e formação muito boa dos docentes. As linhas de pesquisa são compatíveis com a história do corpo docente e importantes para o país (neurociências e produtos naturais)."

Segundo o coordenador do mestrado, Daniel Badauê, o início do curso ainda não foi definido, podendo ser no período 2011.1 ou 2011.2. "Haverá uma reunião com o Colegiado para definirmos o em que período iniciará", confirmou.

A pós-graduação, que já está com a sua grade docente formada, contará ao todo com catorze professores, sendo treze permanentes e um colaborador.

 

Fonte: UFS