Sergipe

31/08/2010 às 07h22

Acidente grave mata cinco pessoas e deixa vítimas feridas

Redação Portal A8

Na manhã desta terça-feira (31), por volta das 5h30m, cinco pessoas morreram e onze ficaram feridas em um grave acidente ocorrido no Km 1,2 da BR 101, em Cristinápolis a 119 km da capital, divisa Sergipe com Bahia.

A colisão envolveu três veículos (FonteEvenilson Santana)

Segundo informações iniciais da PRF, o acidente aconteceu por conta de uma colisão entre três carros de passeio, um Vectra, uma Kombi e um Gol.Agentes rodoviários ainda acreditam que um quarto veículo , um caminhão ainda não identificado teria causado o acidente.

Policiais auxiliaram o trânsito, equipes do Corpo de Bombeiros fizeram o resgate de vítimas que ficaram presas nas ferragens e agentes do SAMU, prestaram socorro às vítimas.

A rodovia foi interditada, a pista sentido Sergipe-Bahia chegou a ultrapassar dos 7 km de engarrafamento. As vítimas foram encaminhadas para o Hospital de Urgências de Sergipe e os corpos das vítimas que morreram no local foram encaminhados para o Instituto Médico Legal da cidade baiana, Alagoinhas.

As vítimas feridas foram encaminhadas para o Huse (Fonte:Evenilson Santana)

Boletim do Huse

A assessoria de comunicação do Huse informou que o hospital recebeu nove vítimas. De acordo com a médica emergencista, Tarsila Xavier, os quatro pacientes que estão na Área Vermelha respiram com a ajuda de aparelhos e correm risco de morte. As demais estão conscientes e com ferimentos de leve complexidade.

Ao todo, oito ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel e Urgência (Samu), quatro unidades básicas e outras quatro avançadas. Segundo informações do Samu, os outros três pacientes foram acolhidos em um hospital de Estância.

A pista escorregadia foi um dos fatores que motivou o acidente (Fonte:Evenilson Santana)

Até o momento as vítimas indentificadas são Josefa da Silva Valença, 39 anos, Raimunda Santos, 42 anos, Maria Gomes Lima, 32 anos, Carmelita Lima, 44 anos, Edinaldo Rocha Santos, 31 anos, Maria Rosemeire, idade não especificada, D.V.S., de nove anos, e um paciente do sexo masculino que permanece sem identificação. Ao todo, oito ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel e Urgência (Samu), quatro unidades básicas e outras quatro avançadas foram deslocadas para atender às vítimas.

Matéria atualizada às 13:43