Sergipe

23/08/2010 às 17h43

Pai desesperado vinga morte de filho e se apresenta a polícia

Redação Portal A8

Policiais civis da cidade de Areia Branca prenderam no final da manhã desta segunda-feira (23) Miguel Brito, 58 anos, sob a acusação de crime de homicídio. De acordo com a polícia, depois de uma seresta realizada no dia 15 de agosto deste ano foram registrados dois assassinatos no município no intervalo de duas horas.

De acordo com informações da delegada do município, Lauana Guedes, o filho de Miguel, Marcos Vinícius da Silva Brito, estava em uma seresta, no povoado Pedrinhas, mais precisamente no Bar de Nen, na companhia de Helenilton Vieira Pereira. Marcos comentou com Helenilton que denunciaria o sogro de Helenilton por porte ilegal de arma de fogo, José Edson da Silva, que também estava na festa.

Helenilton então informou a José Edson, que foi até Marcos e deflagrou contra ele golpes de faca no peito. Marcos acabou morrendo antes de chegar ao hospital para atendimento médico. Tendo conhecimento da notícia, Miguel foi a procura do acusado. Chegando ao local onde aconteceu o homicídio Miguel encontrou Helenilton. "Miguel atacou Helenilton com pauladas na cabeça, até tirar-lhe a vida", explicou a delegada do município Lauana Guedes, acrescentando que o rosto de Helenilton ficou desfigurado e irreconhecível.

Após a expedição de um mandado de prisão preventiva em desfavor de Miguel Brito, ele resolveu comparecer na manhã desta segunda-feira (23) na delegacia e se entregar a polícia. Ele foi encaminhado para a Delegacia Regional da cidade de Itabaiana, onde permanecerá à disposição da Justiça. A polícia busca agora a localização de José Edson.

 

Fonte: SSP/SE