Sergipe

14/08/2010 às 09h14

Sefaz inicia nesta segunda curso de Disseminadores de Educação Fiscal

Redação Portal A8

Uma aula inaugural vai marcar nesta segunda-feira (16) a abertura do Curso de Disseminadores de Educação Fiscal (2010/2), promovido pela Escola Superior de Administração Fazendária do Ministério da Fazenda e organizado pela Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz).

A solenidade de abertura acontece no Auditório Terra Caída, do Centro de Convenções de Sergipe, às 8h30, e conta com a palestra do conferencista em Gestão de Negócios e Pessoas Antônio Neto, que falará sobre "Motivação, uma ferramenta para o sucesso. Compõem as turmas cerca de 270 profissionais da área de contabilidade, auditores, estudantes universitários e servidores públicos em geral.

O curso tem o objetivo de promover e institucionalizar a educação fiscal para o pleno exercício da cidadania, principalmente na relação do cidadão com o Estado, capacitando profissionais para exercerem o papel de Disseminadores de Educação Fiscal. Esses disseminadores passam então a difundir a importância da função socioeconômica e incentivar o acompanhamento, pela sociedade, da aplicação dos recursos públicos.

As aulas são constituídas em módulos virtuais através da Escola de Administração Fazendária, do Ministério da Fazenda, abordando dentro do conteúdo programático a Educação Fiscal no Contexto Social, a Relação Estado-Sociedade, Sistema Tributário Nacional e Gestão Democrática dos Recursos Públicos, com carga horária total de 160 horas e certificação expedida pelo Ministério da Fazenda e prosseguem até o dia 9 de novembro.

O coordenador do curso, o auditor da Secretaria de Estado da Fazenda Antônio Fernando Silva Alves, explica que todo o conteúdo será lecionado por meio de fóruns e chats na internet. Além das ferramentas on-line, os alunos contam ainda com material impresso fornecido pela Escola Superior de Administração Fazendária (Esaf), do Ministério da Fazenda. "Os únicos pré-requisitos para participar são ter disponibilidade de tempo, conhecimentos básicos de informática e possuir endereço eletrônico (e-mail)", complementou, acrescentando que os participantes podem ainda consolidar a teoria e prática através de oficinas presenciais.

 

Fonte: Ascom/Sefaz