Sergipe

14/04/2010 às 16h59

Famílias contabilizam prejuízos em São Cristóvão

A cidade ficou encoberta pela água, pois o nível do rio Paramopama aumentou e inundou a cidade

Redação Portal A8

 

Os alunos dessa escola estão sem aulas e não há previsão de retorno (Foto: Atalaia Agora)

Agora que as chuvas estão dando uma trégua, os moradores começam a contar os prejuízos. No município de São Cristóvão, um dos mais atingidos, a população aproveita o sol, que desponta ainda sem força, para tentar recomeçar a vida.

Na parede das casas as marcas de enchente (Foto: Atalaia Agora)

 

Dona Joélia do Nascimento teve a casa invadida pela água e diz não saber como será a vida. "Com a enchente por pouco não morri afogada, graças a Deus não perdi a vida, mas será difícil recuperar tudo que perdi. Tenho duas filhas grávidas e crianças em casa, não sei o que fazer", desabafou.

A cidade ficou encoberta pela água, pois o nível do rio Paramopama aumentou e dificultou o acesso a cidade. Com a estiagem o rio amanheceu mais baixo nesta quarta-feira (14) e os moradores começaram a limpar as ruas e residências.

Um outro morador, Marcos Rogério, pede ajuda as autoridades. "Sempre que chove forte fica desse jeito é preciso que olhem por nós. Agora estamos aqui tentando contabilizar todos esses prejuízos", revelou.

 

 

 

Com o grande volume de chuvas o canal transbordou (Foto: Atalaia Agora)