Sergipe

13/01/2010 às 18h34

Empresas de ônibus querem aumentar tarifa para R$ 2,26

O Setransp apresentou à SMTT a planilha tarifária que aponta o valor de R$ 2,26 para a passagem ...

Redação Portal A8

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Município de Aracaju (SETRANSP) em ofício do dia 8 de janeiro de 2010, apresentou à Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) a planilha tarifária do sistema de transporte coletivo que aponta o valor de R$ 2,26 para a passagem de ônibus em 2010.

A tarifa teria como base de cálculo, conforme determina a Lei n° 1.765 de 10 de dezembro de 1991, o valor base de dezembro de 2009, alcançando uma variação de 16,18% em relação à tarifa praticada atualmente.

A diferença em relação ao valor de R$ 2,20, divulgado de maneira informal anteriormente - antes da computação total dos números -, deve-se ao fato do investimento de R$ 30 milhões com a compra dos 100 ônibus novos, recentemente entregues pelas empresas do setor, e o reajuste salarial dos rodoviários, cuja data-base ocorre em março, não terem sido contemplados. Somente após os cálculos atualizados, o SETRANSP chegou ao novo valor.

"No município de Aracaju e regiões metropolitanas se chegarmos hoje a uma tarifa de R$ 2,26, se deve também aos esforços feitos por essa superintendência no sentido de combater a evasão escolar, as gratuidades indevidas e também, dentro do possível, nos principais corredores liberando as vias para uma maior fluidez do transporte coletivo. Caso o contrário, a tarifa calculada nesse momento, sem sombra de dúvidas, chegaria a um valor muito maior", relata o documento.

O ofício destaca tabela com a composição percentual da tarifa que deve contemplar os seguintes itens: óleo diesel (20,67%), óleos e lubrificantes (1,96%), rodagem (6,70%), peças e acessórios (6,40%), pessoal (40,55%), despesas administrativas (1,63%), depreciação (4,38%), remuneração (4,07%) e, por fim, impostos e taxas (13,65%).

Com informações do Setransp