Sergipe

12/01/2010 às 16h44

Granizo e ventos fortes causam destruição no interior de SE

Chuva de granizo e fortes rajadas de ventos deixaram uma rastro de destruição em cinco cidades de SE

Redação Portal A8

Uma chuva de granizo e fortes rajadas de ventos ocorridas nesta segunda-feira (11) deixaram uma rastro de destruição em cinco cidades sergipanas: Canindé de São Francisco, Porto da Folha, Gararu, Monte Alegre e Nossa Senhora de Lourdes.

Granja foi atingida no temporal e centenas de animais morreram (Foto: Sérgio Ferreira)
Moradores contam os prejuízos em Porto da Folha (Foto: Sérgio Ferreira)

Em Porto da Folha, segundo a Defesa Civil do Estado, 80% das casas sofreram alguma avaria devido ao temporal. Dezenas de famílias estão desabrigadas, árvores forram derrubadas, entre elas uma centenária localizada no povoado Ilha do Ouro. O muro do estádio Caio Feitosa também teria desabado.

O prefeito de Porto da Folha informou no início da tarde desta terça (12) que ainda estaria decidindo a decretação do estado de calamidade.

Casa destruída pelo temporal em Canindé (Foto: Defesa Civil Municipal)

Canindé

De acordo com a assessoria da Prefeitura, no povoado Capim Grosso e adjacências, localizados no município de Canindé de São Francisco, a tempestade provocou destruição parcial em vários assentamentos do MST. As comunidades mais atingidas foram os assentamentos João Pedro Teixeira; Maria Feitosa e a comunidade Nova Vida. Dez casas foram destruídas e outras 40 estão comprometidas, segundo Everaldo Nunes, coordenador da Defesa Civil Municipal.

Duas escolas municipais: Manoel Gomes e Belo Horizonte, ambas no povoado Capim Grosso, estão disponíveis para abrigar as famílias mais atingidas.