Sergipe

10/10/2009 às 18h21

Ex-presidiário é morto com um tiro na cabeça

Redação Portal A8

Uma rixa antiga entre dois homens acabou em assassinato na tarde do último sábado(10). O crime ocorreu no bairro Siqueira Campos, zona oeste da capital. A vítima foi o ex-presidiário Severino Alves, que foi morto com um tiro na cabeça deflagrado pelo barbeiro Anízio Santana, 73 anos.

De acordo com informações de vizinhos do acusado, a rivalidade entre os dois começou há três anos, quando Anízio foi testemunha de um homicídio cometido por Severino, desde então ele começou a sofrer ameaças e foi jurado de morte.

Segundo a lavadeira Fátima Silva, quando o ex-presidiário foi solto voltou ao local e começou a fazer ameaças contra o barbeiro. "Anízio cometeu esse crime em legítima defesa, ele é homem de bem e só fez isso pois até a mulher já estava sendo intimidada", contou.

No momento do disparo um policial a paisana passava pelo local e prendeu o barbeiro em flagrante.

O suspeito foi encaminhado para a Delegacia Plantonista onde prestou depoimento, muito abalado Anízio passou mal e foi encaminhado para um hospital da Capital.