Sergipe

16/09/2009 às 09h29

Agentes penitenciários vão denunciar Secretaria de Justiça

Redação Portal A8

O presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários, Cláudio Viana, informou que vai entrar com ação contra o Estado, pedindo responsabilidade do mesmo, caso aconteça qualquer dano aos agentes penitenciários. Viana explicou que o Sindicato já tinha entrado há 60 dias com uma representação colocando justamente a falta de segurança e de efetivo dos presídios.

Ele disse que durante a rebelião que aconteceu ontem (15) em Nossa Senhora da Glória, apenas cinco agentes estavam trabalhando, enquanto o ideal seria 20.

"O déficit de agentes é um problema de todas as unidades prisionais. Por conta desse problema, outras rebeliões podem acontecer a qualquer momento", reclamou Viana.


Cláudio ainda denuncia que no presídio de São Cristovão são apenas dois agentes para 100 presos e o de Tobias Barreto nunca passou por uma reforma. "Lá só uma guarita funciona, as outras seis estão desativadas". O sindicato encaminhará ao Ministério da Justiça várias denúncias contra a Secretaria de Justiça do estado, incluindo denúncias de abuso de autoridade.

"Eles posam para a imprensa de bons, e por trás, são torturadores.Deixar os agentes passar fome é tortura", declarou Viana.

Amanhã (17) os agentes prisionais participaram de audiência com o promotor Augusto César Lobão, às 10h30, na Vara de Execuções Criminais. Já na sexta-feira acontecerá uma assembléia da categoria, às 9h30, no auditório da OAB, quando será votado um indicativo de greve.