Sergipe

10/09/2009 às 10h31

Pai e filho presos por furtarem equipamentos da Petrobras

Redação Portal A8

Após seis meses de investigação o grupo de Operações da Polícia Civil no Interior do Estado, prendeu no início da tarde desta quarta-feira (09), pai e filho acusados de roubar equipamentos de perfuração da Petrobras no município de Carmópolis, distante 45 quilômetros da capital sergipana.

 

Pai e filfo estão presos em Carmópolis (Foto: SSP)

Na operação policial foi preso Carlos Estevan de Brito, que há 30 anos era funcionário da Empresa, e seu filho, Henrique Estevan de Brito. O filho do petroleiro foi preso em flagrante no momento em que descarregava o equipamento roubado. No local, foram apreendidas seis brocas, além de dez sacos de cal hidratada. Calcula-se que cada peça custa em média R$ 50 mil.

De acordo com a polícia, o funcionário se aproveitava do cargo de chefia no setor de liberação de equipamentos para promover os desvios. Segundo testemunhas além desse material apreendido outras 13 brocas já haviam sido furtadas.

Carlos Estevan foi preso em casa, localizada em condomínio fechado no bairro Luzia. Ele e o filho estão presos na delegacia de Carmópolis prestando esclarecimentos. De acordo com a polícia as empresas que compravam o material roubado também deverão ser investigadas. O desvio desses equipamentos provocou um prejuízo de quase R$ 1 milhão para a Petrobras

 

Equipamentos roubados custam 300 mil reais. (Foto: SSP)
Até a cal era furtada pelo funcionário da empresa (Foto: SSP)