Sergipe

19/03/2009 às 19h43

Quatro coronéis prestam depoimento

Quatro coronéis da Polícia Militar prestaram depoimento hoje (19), durante as investigações que apura a fuga do militar Giuseppe Amaral, acusado de cometer pelo menos 40 assassinatos em Pernambuco.

Redação Portal A8

Quatro coronéis da Polícia Militar prestaram depoimento hoje (19), durante as investigações que apura a fuga do militar Giuseppe Amaral, acusado de cometer pelo menos 40 assassinatos em Pernambuco.

Por conta da investigação, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil seccional Sergipe (OAB-SE), Henry Clay Andrade, foi convidado pelo comando militar e segundo ele, este ato ocorreu para se buscar maior clareza nas investigações.

"A idéia é esclarecer os fatos e tornar o processo o mais público possível, em decorrência de se estar investigando fatos graves, que deixou perplexa a sociedade", concluiu ele.

Os coronéis ouvidos hoje foram José Antônio dos Santos, Gilton Vicente do Nascimento (por terem visitado o acusado, antes da fuga) e Adenilson Barros Meira e Marcos Aurélio Silva (citados em depoimentos anteriores).

Os militares que faziam o corpo da guarda já foram ouvidos e amanhã (20) outros coronéis devem ser ouvidos. A previsão é que dentro dos próximos 10 dias, o inquérito policial que apura a fuga de Giuseppe Amaral - foragido do presídio militar após serras as grades da cela onde estava, no mês passado - seja concluído.