Sergipe

17/03/2009 às 13h05

Missa, homenagens e agradecimentos marcam os 154 anos de Aracaju

Redação Portal A8

A festa em comemoração aos 154 anos de Aracaju começou cedo no Alto da Colina do Santo Antônio com uma alvorada festiva seguida de uma missa celebrada pelo arcebispo, Dom José Palmeira Lessa. A programação religiosa atraiu centenas de pessoas da comunidade, além de autoridades e personalidades públicas.

Em seu sermão, o arcebispo parabenizou a cidade, mas também fez questão de lembrar que Aracaju deve realmente ser uma cidade de todos. "É preciso voltar às atenções para os excluídos. Os irmãos que estão na rua, sem ter onde morar. Os que passam fome. Para os que estão desempregados", disse.
O prefeito, Edvaldo Nogueira, fez questão de reafirmar seu compromisso com o povo de Aracaju. "A cidade chega aos 154 anos cheia de vida e pronta para se desenvolver ainda mais. Um crescimento que vai ocorrer sem abrir mão da qualidade de vida de todos os aracajuanos. Estamos trabalhando para melhorar a vida de toda a população", disse ele.

Homenagens

Após a missa, o prefeito e convidados seguiram para o segundo ato da festa: as homenagens a Inácio Joaquim Barbosa, que em 1855 transferiu a capital sergipana de São Cristóvão para Aracaju. "Inácio Barbosa foi um dos maiores sergipanos e governantes que a terra já viu. Merece todas as homenagens", disse o prefeito.
"Comemorar os 154 anos de Aracaju é para mim momento de muito orgulho. Minha responsabilidade de fazer uma boa administração da cidade também dobra de tamanho. Primeiro agradeço a Deus e peço forças e equilíbrio para fazer uma administração ainda melhor para o povo de Aracaju", disse ele.