Sergipe

08/03/2009 às 23h52

Escolas da rede estadual estão sem aula

Redação Portal A8

Segunda-feira de protestos na Educação de Sergipe. Professores da rede pública estadual amanheceram de braços cruzados. A mobilização em defesa da implantação do piso nacional do magistério vai ocorrer hoje (09) em diversos pontos da cidade com a distribuição de panfletos.
Na terça-feira (10) acontece a Marcha em Defesa do Piso, com participação das redes municipais. Na quarta-feira, dia 11, a partir das 14h, será realizada uma vigília na Secretaria de Estado da Administração.
"A vigília é em virtude da reunião do Síntese com os secretários de Administração, Fazenda e Educação. Nesse encontro o governo do Estado vai apresentar ao sindicato se poderá fazer a integralização do piso de forma progressiva e proporcional já a partir do mês de março", explica o presidente da entidade, professor Joel Almeida.
Na quinta-feira, dia 12, às 9h no Instituto Histórico acontece uma nova assembléia onde os professores vão analisar a proposta do governo.
Piso

O representante do Síntese destacou que o piso salarial ainda não foi pago da maneira prevista na lei 11.738/2008, vigente desde 1º de janeiro deste ano. "Os educadores da rede estadual, com formação em nível médio, devem ter garantido o salário base atualizado com a integralização dos 2/3 do valor da diferença entre o piso de R$ 950 e o salário base, que é hoje de R$ 425", detalhou.