Sergipe

03/03/2009 às 20h07

Sergipe terá presídio para jovens entre 18 e 24 anos

Redação Portal A8

Com o objetivo de promover as ações do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci), o governador Marcelo Déda e o ministro Tarso Genro, assinaram em solenidade em Brasília, nesta terça-feira(3) um convênio de cooperação entre o Governo Federal e o Estado de Sergipe.
Pelo convênio fica assegurada, por exemplo, a construção em Sergipe de um presídio para jovens adultos entre 18 e 24 anos, com possibilidade de reabilitação para o convívio social diferenciada da de outros apenados. "O convênio firma parcerias entre os governos federal e estadual nas áreas de segurança pública e penitenciária", resumiu o governador. Há, ainda, ações que visam implantar polícias comunitárias, implementar sistemas de segurança eletrônica nos presídios e constituir Núcleos de Justiça Comunitária, entre outros.
A cooperação entre as unidades da federação e a União, a segurança pública no país passa a ser encarada por um novo paradigma, contemplando não apenas a ação repressiva, mas o apoio a políticas públicas sociais que visem conter de forma preventiva a criminalidade.

Santa Maria

Déda lembrou que, mesmo antes do convênio, já estão em andamento parcerias com o Ministério da Justiça que garantirão ao estado a implantação de programas diversos do Pronasci e o reforço indispensável de ações que o estado vem desenvolvendo na segurança pública. Logo após a solenidade, o governador convidou o ministro Tarso Genro para participar da inauguração do Presídio de Santa Maria, em Aracaju, na primeira semana de abril. O ministro aceitou o convite.

Os secretários Benedito Figueiredo, da Justiça, e Kércio Silva Pinto, da Segurança Pública, além do representante de Sergipe em Brasília, Pedro Lopes, acompanharam o governador durante a audiência.


Fonte: ASN