Política

21/06/2018 às 15h23

Georgeo pede para que o Governo não dê calote nos fornecedores

Assessoria de Imprensa do Parlamentar
O deputado estadual Georgeo Passos, Rede, usou o grande expediente da sessão plenária desta quinta-feira, 21, para solicitar ao Governo que não dê calote nos seus
fornecedores. A fala do parlamentar foi motivada após anúncio do Conselho de Reestruturação Administrativa e Financeira de Sergipe (Crafi), de que o Estado priorizaria o pagamento das despesas a partir de abril.
 
“Isso é um calote que o Governo pretende dar nas empresas que forneceram serviços e que tem faturas a receber antes do mês de abril”, alertou o deputado. Coincidentemente, o Tribunal de Contas revogou uma resolução que obrigava o Estado e municípios a cumprirem uma ordem cronológica para o pagamento das suas despesas. “Com isso, as empresas sabiam mais ou menos quando receberiam”, comentou Georgeo.
 
“Com essa resolução revogada, agora o Executivo pode pagar as empresas na ordem que desejar. Ou seja, vai garantir fluxo de caixa mas poderá dar calote em vários prestadores de serviço. Lamentamos que o Tribunal de Contas tenha extinguido essa medida que até então era acertada e que estava de acordo com a Lei de Licitações para facilitar a vida do Governo e deixe essas empresas sem saber quando vão receber”, completou o parlamentar.

Fonte: Assessoria de Imprensa do Parlamentar