Política

20/06/2018 às 16h48

"Tentaram dar um golpe no Parlamento de Aracaju", lamenta Bittencourt

Assessoria de Imprensa do Parlamentar

Em pronunciamento na Câmara Municipal de Aracaju (CMA) nesta quarta-feira, 20, o vereador Professor Bittencourt (PCdoB) repudiou o requerimento protocolado pela

vereadora Emília Corrêa (Patriota), que dizia denunciar a 'falta reiterada de zelo da Mesa Diretora em cumprir o dever regimental de iniciar e coordenar os trabalhos legislativos'. Para o líder do prefeito, a atitude da parlamentar representou desrespeito aos pares do Legislativo Municipal.

"Tentaram dar um golpe no Parlamento de Aracaju. Não sou golpista. A Mesa Diretora foi eleita democraticamente por todos os pares. Tenho discordâncias diversas com a oposição e até com vereadores que compõem a Mesa. É natural. Mas dizer que tínhamos que compactuar com o golpe para destituir a Mesa Diretora foi um desrespeito ao Estado Democrático de Direito, que a CMA representa muito bem respeitando a diversidade e a pluralidade das opiniões. Não é o fato de ter uma divergência pontual que deve-se propor a destituição. Não compactuei e a maioria dos vereadores também", afirma Bittencourt.

Na opinião de Bittencourt, é preciso que cada parlamentar tenha bom senso e cautela ao propor requerimentos que, de fato, possam contribuir para o andamento dos trabalhos da Casa. "Espero que certos vereadores saibam sempre filtrar e tratar todos os assuntos com a proporcionalidade devida. A vereadora estava urdindo na Câmara a partir do requerimento, na tentativa de 'moralizar' e 'colocar um rumo correto' as ações do Parlamento", lamentou.

O vereador Bittencourt reforçou ainda que, na ocasião, o que estava sendo colocado em pauta foi o respeito ao Parlamento. "Existiram problemas pontuais de cunho político e pessoal entre a vereadora e o presidente da Câmara e, agora, de modo descomprometido com a instituição, ela propôs esse requerimento. Lamento que essa proposta seja algo tão desproporcional. Diversos parlamentares repudiaram o discurso da vereadora do Patriotas, sendo quase unânime a oposição ao posicionamento dela. Cabe a todos divergirmos, termos opiniões e, fundamentalmente, respeitar o diferente", enalteceu Bittencourt.


Fonte: Assessoria de Imprensa do Parlamentar