Mundo

10/11/2011 às 17h52

Garoto declarado morto acorda 10 horas depois na Índia

Redação Portal A8
Depois de morrer por dez horas, indiano não precisa mais seguir aquelas coisas atrás das quais só não vai quem já morreu (Divulgação: R7)

Um médico da Índia foi suspenso pelo governo depois que um adolescente que ele declarou oficialmente morto se levantou e acordou para a vida, dez horas depois, dentro do necrotério.

Isso tudo aconteceu no Estado indiano de Uttar Pradesh.

O garoto chegou no hospital de Muzaffarnagar no sábado, depois de ter sido encontrado inconsciente.

No domingo, o doutor Pradeep Mittal disse que o garoto de 17 anos, chamado Radhey, estava mortinho da silva.

Na segunda-feira, Radhey estava vivo.

Maluquice, não?

Se até este domingo, Radhey não deflagrar um apocalipse zumbi no território indiano, ele pode se considerar um sujeito de sorte.

Essa sorte, aliás, não anda sorrindo muito para o lado do doutor Mittal.

Anand Swaroop, representante do conselho dos médicos da Índia deu a entender que eles não vão fingir de mortos a respeito do assunto.

- Quando a polícia, ao lado dos funcionários do hospital, estava se preparando para começar as formalidades pós-óbito, quando o jovem ganhou consciência. Quando as autoridades federais viearam a saber do incidente, um inquérito foi instaurado. Nas recomendações da comissão que se formou para analisar o caso, Pradeep Mittal foi colocado sob suspensão.