Mundo

09/11/2010 às 12h02

Michael Jackson era viciado em cirurgias, diz mãe do cantor

Redação Portal A8

A mãe do cantor Michael Jackson, Katherine Jackson, disse que o filho era viciado em cirurgias plásticas.

Katherine Jackson fez a declaração em uma entrevista ao programa da apresentadora de TV Oprah Winfrey. Ela disse que seu filho, morto em junho de 2009, era muito inseguro em relação à sua aparência e que, desde a adolescência, costumava dizer à mãe que se achava feio.

Katherine contou que ainda tentou, sem conseguir, convencer o filho de que ele não era feio, até que Michael decidiu fazer a primeira plástica."Ele se decidiu e saiu de casa", disse Katherine. "E quando eu perguntei onde ele estava, (ele disse) que tinha ido fazer uma plástica no nariz", afirmou na entrevista, gravada na casa da família em Los Angeles.

A cirurgia no nariz foi a primeira de uma série que transformou completamente a aparência de Michael, fazendo com que seu nariz ficasse cada vez menor, como um "palito", de acordo com Katherine.A mãe do cantor afirma que tentou convencer seu filho a parar com as cirurgias, mas ela acredita que Michael ficou viciado no procedimento e não conseguia mais parar.

Katherine contou a Oprah que chegou a falar diretamente com o cirurgião plástico do cantor."Eu disse (ao cirurgião plástico de Michael): `Se ele vier aqui e quiser que você refaça o nariz, apenas diga a ele que você fez (a cirurgia) e faça a mesma coisa. Não mude nada e diga a ele OK, terminei, e pronto`", disse Katherine.

Mas, de acordo com a mãe do cantor, ninguém seguiu estas recomendações.

Livro

A entrevista de Katherine Jackson marca o lançamento de um livro de memórias da mãe do cantor, Never Can Say Goodbye, que inclui, além da biografia, fotos nunca divulgadas de Michael. "Eu quis fazer isso pelos fãs (de Michael) e para as pessoas que não o compreendiam", disse Katherine.

Katherine também falou do dia da morte de seu filho, em junho de 2009. A mãe de Michael recebeu um telefonema de seu marido, Joe Jackson, contando que alguém tinha sido retirado da casa de Michael, em uma ambulância e coberto com um lençol.

Inicialmente, Katherine pensou que não poderia ser seu filho, mas depois pressentiu que a pessoa retirada da casa poderia ser Michael.A mãe do cantor foi ao hospital. "Ficamos lá por muito tempo antes de o médico chegar e nos contar", disse ela. "Acho que ele não queria (contar)"."Eu falei: `Então, o que aconteceu?... Ele conseguiu (sobreviver)?` E ele disse: `Não, ele se foi.` E é tudo o que lembro", afirmou.

A mãe do cantor também lembrou durante a entrevista que os filhos de Michael Jackson, Prince, Paris e Prince Michael Jackson II (também conhecido como Blanket) estavam no hospital quando a notícia foi dada."Eles estavam chorando", disse. "Pensei que (Paris) fosse desmaiar. Ela falava: `Papai, não vou conseguir sem você. Quero estar com você, quero ir com você`. Me senti muito mal por eles", afirmou.

Os filhos do cantor também participaram da entrevista.

Fonte:BBC Brasil