Mundo

11/05/2010 às 17h03

Time é goleado e torcida vai ser ressarcida nos EUA

Redação Portal A8

Se a moda pega no Brasil... após uma atuação terrível do Seattle Sounders na derrota humilhante por 4 a 0 para o Los Angeles Galaxy, no último dia 8 de maio, pela temporada da Major League Soccer, a diretoria do time resolveu devolver o dinheiro do ingresso. Isso mesmo. A ideia surgiu após a declaração do meio-campista Steve Zakuani, que, irritado com o desempenho da equipe, disse na entrevista pós-jogo "eu acredito que a torcida merece uma desculpa gigantesca e não deveria pagar pelo que viram hoje."

A diretoria concordou e resolveu tomar uma medida rara. Os torcedores que compraram o pacote de jogos dessa temporada (32 mil pessoas) e renovarem o plano para a próxima, vão ganhar uma partida como "bônus", em virtude dessa derrota para o Galaxy. Mais do que um pedido de desculpas, é uma manobra de marketing para ajudar nas vendas do ano que vem e também para manter um bom relacionamento com a torcida.

O Sounders, apesar de uma campanha sofrível até aqui nesta temporada, é um dos times com maiores receitas e presença de público. E justamente no jogo em questão o time bateu o recorde de presença nos jogos em casa, com 36.273 pagantes, a capacidade total do estádio.

Adrian Hanauer, um dos donos da franquia e ciente da importância da vendas dos ingressos para a receita do clube, explicou a decisão. "A única boa performance foi da torcida, no time faltou paixão, raça, comprometimento. Então decidimos que queremos essa torcida ao nosso lado, por muito tempo, por isso eles não merecem pagar por um jogo tão ruim. Claro que não pretendemos criar um precedente para cada partida ruim disputada, mas desta vez isso foi necessário."

Recentemente, na Inglaterra, o Wigan tomou a mesma decisão depois de uma derrota para o Tottenham, naquela ocasião, o dinheiro saiu do próprio bolso dos jogadores. Por aqui, ninguém ainda tomou medida parecida, apesar de não faltarem ocasiões. Para você, qual time está em dívida com a torcida e deveria fazer o mesmo?

Fonte: Blog de Negócios (Terra)