Esportes

02/08/2017 às 08h56

Confiança empata Moto Club pela série C

Redação Portal A8

Nem o sal grosso jogado pelos torcedores em alguns lugares da Arena Batistão, afastaram a má fase e trouxeram a tão sonhada vitória do Confiança nesta terça-feira (01). O empate foi o resultado de mais um jogo do Dragão, que agora soma dez partidas sem vitórias.

O jogo começou disputado, porém o número de erros foi alto para os dois times. Logo aos 2 minutos, Léo Ceará tocou para Frontini que estava livre na cara do gol e o atacante perdeu a chance de abrir o placar. Em seguida, o Moto Club respondeu com o sergipano Danilo Bala, que caiu na área e pediu pênalti, mas o árbitro não marcou. Aos 8 minutos, Frontini recebeu a bola dentro da área, girou, mas mandou para fora.

Poucos minutos depois, Lorran tentou chute de fora da área, a bola assustou o goleiro azulino, mas saiu pela linha de fundo. Em erro do zagueiro Lula, aos 26 minutos, Frontini avançou em contra-ataque, tocou para Gilsinho que chutou cruzado e o goleiro defendeu. Aos 30 minutos, Everton Santos tocou para Álvaro que arriscou da entrada da área e errou o alvo.

O Moto Club voltou com uma postura diferente no segundo tempo e saiu na frente dos donos da casa. Aos 3 minutos, Danilo Bala avançou com a bola, foi derrubado por Genivaldo na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Paquetá chutou bem e abriu o placar para o Moto Club. O Confiança tentou correr atrás do prejuízo, aos 7 minutos, com Frontini que ficou com a sobra de bola, chutou cruzado e mandou para fora. André Beleza também teve grande chance na sobra de bola, aos 12 minutos, mas chutou fraco e a bola saiu livre.

Em bate e rebate, aos 21 minutos, a bola sobrou com Léo Ceará que na cara do gol e livre, chutou cruzado e acertou as redes por fora do gol, perdendo uma grande oportunidade. Aos 39 minutos, Daniel Barros chutou forte e a bola foi na trave do time azulino. Já no finalzinho, aos 46 minutos, Felipe Cordeiro cruzou a bola na área e Frontini, de cabeça, aproveitou a oportunidade para empatar. Aos 49 minutos, Daniel Barros tentou mudar o placar após cobrar falta e acerta a trave. Fim de jogo: 1 a 1.

O Confiança sai da última colocação, mas continua no Z-2 com 12 pontos. Faltam seis jogos para o fim desta fase da série C e o time proletário precisa conquistar cerca de 12 pontos para não ser rebaixado. O Dragão volta a jogar no próximo domingo, 6, às 18h contra o Remo (PA) no Estádio Mangueirão, em Belém.