Teatro

04/12/2018 às 15h54

Em homenagem à padroeira de Aracaju, “Matinas da Conceição” serão destaque da Orquestra Sinfônica

Secult/SE

Os devotos da padroeira da capital sergipana, Nossa Senhora da Conceição, poderão na próxima quinta-feira (6), às 20h30, no Teatro Atheneu, contemplar uma obra concedida em homenagem à santa. Os músicos da Orquestra Sinfônica de Sergipe (ORSSE), acompanhados do Coro do Conservatório de Música de Sergipe e convidados, apresentarão ao público as "Matinas da Conceição".

Sob a batuta do maestro titular da ORSSE, Guilherme Mannis, com a regência do Coro do Conservatório por Joel Magalhães e os solistas Nalini Menezes, soprano, e Jackson Trindade, tenor. Os ingressos, ofertados a preços populares, já podem ser adquiridos na bilheteria do Atheneu.

De acordo com o maestro Mannis, não se trata de um programa a ser apreciado apenas por quem é católico. “Àqueles que rezam a cartilha da boa música também estão convidados”, pontua. Segundo Mannis, serão levadas à plateia composições que evidenciam a reverência a Imaculada Conceição, escritas pelo carioca José Maurício Nunes Garcia (1767-1830) e que datam do fim do século XIX. Mas não fica por aí. Os profissionais da ORSSE também executarão de Mozart, a conhecida abertura da ópera "As bodas de Figaro" e de Schubert, a Abertura Rosamunde.

SERVIÇO

Orquestra Sinfônica de Sergipe – Série Laranjeiras

Teatro Atheneu, 06 de dezembro, 20h30

GUILHERME MANNIS, regente

CORO DO CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DE SERGIPE

Joel MAGALHÃES, regente

NALINI MENEZES, soprano

JACKSON TRINDADE, tenor

Repertório:

Wolfgang Amadeus MOZART

Abertura da ópera “As Bodas de Figaro”

José Maurício NUNES GARCIA

Matinas de Nossa Senhora da Conceição

Franz SCHUBERT

Abertura Rosamunde, D. 797

 

Ingressos disponíveis nas bilheterias do Teatro Atheneu, nos valores de R$10 (meia-entrada) e R$20.

Realização: Secretaria de Estado da Cultura – Governo de Sergipe


Fonte: Secult/SE