Brasil

09/11/2011 às 15h45

Veja se você está no 6º lote de restituição do IR 2011

Redação Portal A8

A Receita Federal abriu nesta quarta-feira (9) a consulta ao 6º lote do IRPF (Imposto de Renda de Pessoa Física) de 2011, que vai devolver R$ 1,4 bilhão a 1,1 milhão de pessoas. O pacote faz parte de um megalote, que inclui restituições residuais de 2008, 2009 e 2010 e a correção do dinheiro chega a 37,4%. A grana cai na conta de todos os beneficiários na próxima quarta-feira (16).

O dinheiro referente ao 6º lote virá com correção de 6,81%, juros referentes à taxa básica (Selic) entre maio e novembro deste ano. Do total de beneficiários, 9.031 são idosos, que vão receber R$ 39 milhões.

Em relação ao lote residual de 2008, pouco mais de 11 mil pessoas vão receber R$ 14,1 milhões, ao todo, dinheiro que virá com correção de 37,49% - juros acumulados pela taxa básica de juros (Selic) entre maio de 2008 e novembro de 2011.

Quanto ao lote residual de 2009, 15,6 mil contribuintes vão ganhar R$ 23,9 milhões - grana que virá com juros de 25,42%, correção da taxa básica entre maio de 2009 e novembro de 2011.

Para completar, 36,7 mil pessoas vão receber R$ 64,3 milhões por causa do lote residual de 2010. Esses recursos virão com um acréscimo de 16,96%, por causa da Selic acumulada entre maio de 2010 e novembro de 2011.

Para descobrir se você está no megalote do IRPF, basta acessar a página da Receita na Internet - http://www.receita.fazenda.gov.br - ou ligar para o Receitafone 146. A restituição fica disponível no banco por um ano.

Caso o contribuinte deixe de sacar a grana nesse período, será necessário requerer o dinheiro pela internet, com o preenchimento do Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Declaração IRPF.

A Receita informa ainda que, se o dinheiro não for creditado, o contribuinte deve procurar, pessoalmente, uma agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento.

As informações podem ser obtidas por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (deficientes auditivos). Após o contato, o dinheiro será creditado em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.
12/07/2011