Brasil

11/05/2010 às 19h51

Taxista alega ter encontrado sapo dentro de Coca-Cola

Redação Portal A8

O taxista relata que deu um gole e percdebeu o gosto estranho (Foto: Tudo na Hora)
O taxista Carlos Augusto Fagundes da Silva prestou queixa no 5º Distrito Policial, na tarde desta terça-feira (11), afirmando ter encontrado um sapo dentro de uma garrafa de 290 ml Coca-Cola. O refrigerante teria sido comprada por ele na Padaria Brasil, situada em Rio Largo, situada na Grande Maceió.

De acordo com Carlos Augusto Fagundes da Silva, que teria passado mal após ingerir o refrigerante, a presença do suposto sapo só foi percebida após abrir o vasilhame.

"Estava com sede, pedi uma Coca na padaria e, quando tomei o primeiro gole, senti um gosto entranho, de algo podre, que mudou o sabor do refrigerante porque ele estava em decomposição", relatou em entrevista ao Tudo na Hora.

A técnica do Departamento de Alimentos da Vigilância Sanitária Estadual, Tânia Guedes, informou ser "pouco provável que alguém encontre um sapo dentro de um recipiente de vidro como uma garrafa de Coca-Cola". De acordo com ela, como a garrafa foi aberta pelo taxista, "a Anvisa [Agência Nacional de Vigilância Sanitária] não autoriza que o produto seja examinado, pois ele pode ter sido fraudado ou manipulado criminalmente".

"O que o taxista pode fazer, se ele afirma que encontrou o sapo no recipiente lacrado, é solicitar que a Vigilância Sanitária de Rio Largo, onde o produto foi vendido, procure o lote da bebida e tente inspecionar as demais garrafas que o integram", recomendou Tânia Guedes.

Ela observou, no entanto, que a Coca-Cola segue padrões rígidos de controle de qualidade, aprovados internacionalmente, e que durante o processo de invase do refrigerante, "os técnicos responsáveis são trocados a cada duas horas para evitar que alguém deixe algum corpo estranho entrar nas garrafas".

A assessoria da Coca-Cola em Alagoas não foi localizada para comentar sobre o assunto. A reportagem foi informada que a responsável pela comunicação da empresa estaria de férias e fora de Alagoas.

Fonte: Tudo na Hora