Sergipe

11/01/2017 às 10h39

Servidores do judiciário estão paralisados por 24h: Presidente do TJ disse que apresentará uma posição nessa quarta

Com informações do Sindijus/se

Servidores do Poder Judiciário de Sergipe estão paralisados por 24h nesta quarta-feira (11). Os sindicalistas classificaram o movimento como uma greve de advertência. Eles estão em campanha salarial e reivindicam um reajuste que supere as perdas acumuladas nos últimos dois anos. Os servidores paralisados encontram-se reunidos em frente ao Fórum Gumersindo Bessa.

A categoria informou que existem perdas que chegam ao montante de 4,7%, relativas ao ano de 2015 e de 7,6% no ano de 2016. A Presidência do Tribunal de Justiça já sinalizou para um reajuste de 3%, mas a categoria considera o valor insuficiente para cobrir as perdas.

A direção do Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário de Sergipe (Sindijus/SE)  esteve reunida ontem com o presidente do Tribunal de Justiça (TJSE), Des. Luiz Mendonça, para cobrar um posicionamento sobre as reivindicações dos servidores, principalmente em relação ao reajuste salarial da data-base que se aproxima.

De acordo com informações do Sindijus, o Presidente do TJ disse nesta reunião que apresentará uma posição aos servidores nessa quarta, dia da paralisação. Nesta mesma reunião, o Des. Luiz Mendonça disse ainda que está conversando com os outros desembargadores e que pretende convocar uma sessão administrativa extraordinária para discutir a pauta dos servidores.

 


Fonte: Com informações do Sindijus/se