Sergipe

22/09/2016 às 09h24

Concurso público: agentes e escrivães são convocados para perícia médica

ASN

Agentes e escrivães aprovados no concurso da Polícia Civil de Sergipe estão sendo convocados para comparecer à Perícia Médica Oficial do Estado para exame admissional. As datas previstas para comparecimento à Perícia são 03 e 04 de outubro e a relação com data e horário de cada candidato deve ser visualizada no 6º edital de convocação, disponível no site da Seplag. 

A convocação segue o cronograma divulgado pelo Governo, onde a cada mês, 20 profissionais são chamados para somar ao quadro da Secretaria da Segurança Pública (SSP). Além das 120 vagas previstas no edital e distribuídas entre os cargos de Agentes de Polícia Judiciária Substituto e Escrivães de Polícia Substituto, o Governo do Estado está convocando mais 40 profissionais para compor o quadro da SSP, e que serão especialmente alocados nas cidades de Itabaiana e Tobias Barreto, dando mais capacidade à Polícia Investigativa de Sergipe nessas regiões. 

Documentação

Para comparecimento à Perícia Médica, os candidatos devem estar munidos de documentos como uma foto 3x4; cópia e originais da Carteira de Identidade; CPF e Título de Eleitor, extrato do PIS/Pasep (pode ser solicitado nas agências do Banco do Brasil ou Caixa); cópia da Conta Corrente do Banese (Caso Possua); cópia do comprovante de residência; cópia do Certificado de Reservista ou Alistamento Militar; cópia do certificado de escolaridade, em conformidade com a exigência do cargo, acompanhado de original. 

É necessário apresentar também Certidão de Antecedentes Criminais; Certidão de Crimes Eleitorais e Certidão de Quitação da Justiça Eleitoral; Certidão Negativa Criminal Estadual; Certidão Negativa Criminal Federal. Em caso de servidor público, apresentar certidão constando não ter sofrido sanções de natureza administrativa, civis ou penais (adquirido no setor pessoal de cada órgão).

Já os exames necessários para admissão ao cargo são hemograma; grupo sanguíneo e fator RH; sumário de urina;     colesterol e triglicerídeos; glicemia; sorologia para lues (VDRL); parasitológico de fezes; antígeno prostático específico (homens acima de 40 anos de idade); uréia; creatinina; ácido úrico;     ECG raio X do tórax (PA e perfil); exame audiométrico;     raio X cervical e lombar e teste ergométrico (para todos os candidatos com idade acima de 40 anos). 

Vale ressaltar que no exame oftalmológico deve constar Relatório do Médico especialista de aptidão funcional do ponto de vista oftalmológico, bem como a avaliação psicológica, que deve consistir na aplicação de baterias de testes e instrumentos psicológicos científicos que permitem identificar a compatibilidade de aspectos do candidato com as atribuições do cargo, visando verificar capacidade de concentração e atenção, tipos de raciocínio, controle emocional, relacionamento interpessoal e características de personalidade.


Fonte: ASN