Sergipe

13/09/2016 às 10h36

Policiais civis e delegados realizam ato contra parcelamento de salários

Redação Portal A8

Foto: Aline Aragão/TV Atalaia
Na manhã desta terça-feira (13) policiais civis e delegados de polícia realizaram um movimento em frente a Secretaria de Segurança Pública (SSP). O ato é uma forma de protesto contra o atraso e o parcelamento dos salários.
Foto: Aline Aragão/TV Atalaia

De acordo com o presidente em exercício do Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol), José Luiz, os policiais estão cansados com esse parcelamento. ”O governo não prioriza os salários dos servidores, especialmente das policiais e esperamos que o governo consiga uma solução, pois não aguentamos mais. É um absurdo, ou o governo resolve ou a polícia vai parar”, alertou.

O presidente da Associação dos Delegados de Polícia Civil de Sergipe (Adepol), Paulo Márcio, destacou que a manifestação de hoje é uma forma de mostrar o repúdio a política salarial. “Há dois anos enfrentamos não só o atraso, mas como o parcelamento dos salários de grande parte dos servidores”.

Na tarde desta quarta-feira (14) será realizada uma assembleia entre os delegados e uma das medidas é o indicativo de greve. “Há grandes chances que aprovemos uma greve, decorrente não só dos salários, mas do calote do pagamento das horas extras, a questão da venda da licença prêmio, que há 4 anos esperam o pagamento. Enfim, uma série de irregularidades e descompromissos que levaram os delegados a tomar essa medida extremada”, afirmou.