Sergipe

16/08/2016 às 11h48

Secretaria de Saúde anuncia fechamento temporário da maternidade de Capela

Com informações da SES

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) e a Fundação Hospitalar de Saúde (FHS) emitiram uma nota nesta terça-feira (16) para esclarecer o fechamento temporário do Centro Obstétrico Leonor Barreto Franco. As atividades serão transferidas para o Hospital Regional de Nossa Senhora do Socorro, região cujo município de Capela faz parte.

Segundo a SES, a mudança vai acontecer em função da realização de melhorias na infraestrutura que darão avanços significativos na assistência materno-infantil. A SES e a FHS confortam os servidores informando que não haverá demissões e os pacientes serão melhor assistidos em estrutura física e equipe que garantirão melhor assistência e eficiência nos serviços.

O assunto foi dado conhecimento ao Ministério Público Estadual e também ao prefeito de Capela, Ezequiel Leite, e à Secretaria de Saúde Municipal. A Secretaria afirma na nota que a medida não trará desassistência. As pacientes de risco habitual serão redirecionadas, uma vez que o Hospital Regional de Socorro é bastante resolutivo na Rede e está preparado para receber adequadamente toda a demanda de Capela.

Vale salientar que a transferência provisória do serviço ofertado da maternidade de Capela para o Hospital de Socorro deveu-se, também, à necessidade de adequações por parte da Vigilância Sanitária e por exigências de órgãos de controle. A unidade de capela apresentou em 2016 uma produção média de 70 partos/mês, sendo apenas 18 cesarianas e 52 partos normais, o que implica a um elevado custo de manutenção dos serviços, escalas de profissionais com dificuldade de preenchimento, o que torna necessário o fortalecimento da assistência em Rede, utilizando outras unidades da FHS para suprimento da demanda, o que atende os princípios da regionalização e da otimização dos recursos públicos.


Fonte: Com informações da SES