Sergipe

16/08/2016 às 08h51

Trabalhadores terceirizados da Petrobras paralisam atividades e fecham rodovia

Redação Portal A8

Foto: Whatsapp
Os trabalhadores terceirizados da Petrobrás fazem na manhã desta terça-feira (16), uma paralisação nacional de 24h. A paralisação foi decidida em assembleia em Sergipe e tem o objetivo de lutar contra a privatização da Petrobras.

No município de Carmópolis, os trabalhadores fecharam os acessos do município. A manifestação acontece no povoado Aguada, a rodovia estadual está fechada por trabalhadores da Cemon, estes foram surpreendidos na tarde de ontem, com a informação da falência da empresa.

Os trabalhadores deveriam receber no dia 5, mas ainda não foi pago, a situação de atraso de salários já foi motivo de protesto no mês julho. Em maio os trabalhadores já haviam paralisado as atividades, pois estavam há quatro dias sem receber o salário. Além disso a empresa atrasou o depósito de FGTS e está com problemas no fornecimento de EPIs. Os trabalhadores ainda reivindicam o pagamento das horas extras e do retroativo do aumento salarial. 

Segundo o sindicato, o governo e a Diretoria da Petrobrás querem vender as reservas do pré-sal, dos campos terrestres, e das águas rasas, as plataformas, as instalações terrestres, as refinarias, a Transpetro, BR Distribuidora.   No Polo Atalaia/Tecarmo, também acontece a paralisação de 24h.