Sergipe

18/06/2016 às 09h52

Obra da Deso causa transtornos para moradores de rua do bairro Atalaia

Redação Portal A8

Foto: Internauta
Moradores e comerciantes da rua Waldemar de Barros, no bairro Atalaia, estão insatisfeitos com uma obra realizada pela Companhia de Saneamento Deso, que segundo eles, já dura mais de seis meses e não há previsão de término. Segundo a denúncia, com a chegada do período chuvoso a situação piorou e o esgoto das casas está retornando, levando água suja para dentro das residências.

Outro problema relatado pelos moradores e o lamaçal que se transformou a rua, onde aos sábados é realizada a feira do bairro. Além disso, a presença de insetos e mau cheiro tem tirado o sossego de quem mora na rua.

Deso

De acordo com o diretor de obras, Gabriel Campos, a obra fica em frente a uma estação elevatória da Deso, que reúne esgoto da Atalaia e Coroa do Meio, levando para a estação de tratamento, por isso é uma rede de grande profundidade.

Ainda segundo o diretor, a obra em questão é o “resto” de uma obra do passado, que já deveria ter sido concluída. “O problema é que verificamos que uma parte precisava ser refeita, pois não estava na profundidade adequada, mas infelizmente essa semana o canal de drenagem acabou sendo perfurado e por isso o atraso ainda maior”, relatou.

Foto: Internauta

Para que seja dada continuidade na obra um equipamento de drenagem foi colocado para que o canal possa ser consertado. “É esse equipamento que faz a água ficar jorrando, como é possível ver no vídeo, só que como essa uma região tem grande volume de água, na segunda vamos levar um equipamento ainda maior e acredito que em 30 dias estaremos concluindo totalmente esse trecho da obra”, destacou Gabriel Campos.