Sergipe

09/06/2016 às 12h04

Redução de acidentes em até 87% é registrado nas rodovias estaduais

SSP/SE

A Polícia Militar de Sergipe, por meio do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv), revelou dados positivos referentes ao índice de acidentes de trânsito ocorridos entre janeiro e maio de 2016, nas rodovias estaduais. Se comparado ao mesmo período de 2015, este ano tais ocorrências tiveram uma redução de até 87,50%, como foi o caso da rodovia SE 100, que dá acesso ao litoral sul.

As operações de fiscalização da Lei Seca, desencadeadas pelo BPRv, foram determinantes para que houvesse a diminuição de acidentes em todas as rodovias estaduais de Sergipe nos cinco primeiros meses do ano. Na rodovia SE-100, em Itaporanga D'Ajuda, a Polícia Militar registrou uma redução de 87,50% no índice de acidentes de trânsito, ao passo que na SE-100, em Aracaju, a diminuição foi de 82,35%. Na SE-270, em Simão Dias, a queda foi de 71,43%, aparecendo a Rodovia dos Náufragos (SE 050), na sequência, com redução de 67,86%.

Na rodovia SE-270, em Lagarto, os acidentes caíram em 14,29%, seguida da rodovia SE-065, que apresentou diminuição de 52,94%. A SE-100, na altura do município de Estância, reduziu para a metade o número de acidentes de trânsito (oito em 2015 e quatro apenas em 2016). Na Barra dos Coqueiros, essa queda foi de 46,15%, seguida da SE-170, que passa pelo município de Lagarto. Lá a redução de acidentes foi de 16,67%. Outra rodovia que passa pelo mesmo município, a SE-270, registrou redução de 14,29%. A SE-270, em Salgado, manteve o mesmo índice de acidente em relação a 2015, no total de quatro.
Os números são animadores, do ponto de vista do comandante do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual, major Fábio Machado, e estão de acordo com os preceitos da Organização das Nações Unidas (ONU), que proclamou oficialmente o período de 2011 a 2020 como a “Década Mundial de Ação pela Segurança no Trânsito”.
A decisão consagrou-se no I Congresso Mundial Ministerial de Segurança Viária, realizado em novembro de 2009, em Moscou. Em resolução editada pela ONU, decidiu-se que a Organização Mundial de Saúde (OMS) juntamente com outros organismos internacionais assumem a missão de unir esforços com o objetivo de reduzir pela metade o número de fatalidades no trânsito mundial.
Dados de 2011 apontam mais de 1 milhão e 300 mil óbitos por ano em decorrência de acidentes de trânsito e milhões de pessoas feridas, algumas incapacitadas permanentemente. Os incidentes atingem de forma majoritária pessoas na faixa etária de 15 a 44 anos de idade, significativa parcela produtiva da sociedade. “Em Sergipe, nos cinco primeiros meses de 2016, já houve redução de 50% ou mais no índice de acidentes em cinco rodovias estaduais, o que já é bastante animador. Manteremos o patrulhamento ostensivo, em especial as blitze da Lei Seca, a fim de prevenir acidentes e preservar vidas nas rodovias estaduais”, declarou o comandante do BPRv.

 


Fonte: SSP/SE