Sergipe

02/06/2016 às 11h45

Homicídios caem 35,09% em maio, conforme dados da SSP

SSP/SE

Foto: Douglas Magalhães

A Secretaria da Segurança Pública (SSP) divulgou na manhã desta quinta-feira, 02, na sala de imprensa, dados sobre crimes de homicídios praticados no mês de maio em todo o Estado. Em comparação ao mesmo período do ano anterior, os números revelam uma redução de 35,09% em relação à incidência de homicídios. Foram 114 casos contabilizados ano passado e 74 no mesmo período deste ano.

Este é o menor número bruto de homicídios contabilizados em 20 meses, segundo o coordenador da Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal da SSP (Ceacrim), Sidney Teles. Segundo ele, em Aracaju, a queda chega a 55%; já nas cidades do interior, a redução chega a 24,32% somente neste mês de maio de 2016.


Sobre a redução dos números, o secretário da SSP, João Batista, parabenizou os esforços que vêm sendo realizados pelas polícias Civil e Militar no âmbito do combate à criminalidade, mas esclareceu que ainda está sendo avaliado se o resultado positivo é fruto de ações estratégicas que estão sendo discutidas e postas em práticas nos últimos meses, ou se é uma tendência de redução de homicídios em 2016.

“Ficamos felizes com essa redução, embora apesar do resultado positivo no mês de maio, sabemos que os números ainda são altos, mas os esforços vão continuar, tanto por parte da Polícia Civil quanto Militar, no sentido de reduzir esses índices. Ainda não sabemos se os números são tendências ou reflexos do planejamento que vem sendo montado baseado na análise sistemática dos dados de homicídios praticados no Estado, mas é importante frisar que o nosso grande desafio é tentar diminuir esses números, para que possamos dar uma resposta rápida para esse tipo de evento”, disse João Batista.

No entanto, segundo balanço apresentado pelo coodenador da Ceacrim, houve reduções consecutivas mês a mês em 2016, em todo o Estado, chegando a 23,71% de abril a maio de 2016. Antes, houve reduções de 0,86% (Janeiro a Fevereiro), 3,48% (Fevereiro a Março) e 12,61% (Março a Abril). Em relação aos homicídios em Aracaju e interior de Sergipe, na capital, entre Abril e Maio de 2016, a queda é de 45,45%. Já no interior, os números alcançam a marca de 12,50% de diminuição.

Em relação às cidades do interior do Estado cuja taxa de homicídios era quase sempre alta, a exemplo de Barra dos Coqueiros, Nossa Senhora do Socorro, Itabaiana, Estância e Lagarto, os dados também revelam a diminuição de registro de homicídios no mês de maio.

“Na Barra dos Coqueiros, não foi contabilizado nenhum homicídio. Em Nossa Senhora do Socorro - que teve 13 homicídios em Abril - houve o registro de apenas três nesse mesmo período. Itabaiana apresentou o menor índice de mortes em maio deste ano, computando sete pessoas vítimas de homicídios. Já as cidades de Estância e Lagarto verificaram duas ocorrências desse tipo de delito ”, explicou Sidney Teles.
O dado positivo em Aracaju está no bairro Santa Maria e Conjunto 17 de Março, pois, apesar da ação dos criminosos, a polícia reduziu a taxa de crimes violentos. No mês de maio, foram dois homicídios praticados na região, uma redução em comparação ao mês de fevereiro, que contabilizou 13 homicídios.

Sobre essa redução nessa região, o delegado-geral Alessandro Vieira atribui às constantes ações policiais que vem sendo realizados, em parceria com a PM, conforme determinação do próprio governador do Estado, para a redução da criminalidade.

“Assim que assumimos, recebemos a determinação do próprio governador Jackson Barreto, para a redução dos índices de violência que vinha numa crescente. Apesar do trabalho difícil, temos procurado, em parceria com a Polícia Militar, trabalhar de forma dura e integrada nessas localidades que correspondem a um maior número de homicídios, caso do bairro Santa Maria e Conjunto 17 de Março que foram alvos de uma operação desencadeada na última terça-feira e que resultou na prisão de 17 pessoas e na apreensão de adolescentes, de armas de fogo e drogas”, explicou o delegado.

Na ocasião, o delegado-geral informou sobre a inauguração nesta sexta-feira, 03, da Divisão de Homicídios, novo núcleo de investigação que vai atuar especificamente no bairro Santa Maria, a fim de acompanhar e atender o cidadão vítima ou familiares daquela localidade.

Para o comandante-geral da PM, coronel Marcony Cabral, a redução se deve ao trabalho intensificado da polícia nas áreas que mais ocorrem registros deste crime. “Continuaremos realizando este tipo de mapeamento para verificar quais são as dificuldades existentes e solucionar o mais rápido possível para combater esse tipo de modalidade criminosa”.




Fonte: SSP/SE